Ir para o conteúdo
Crescimento Pessoal

Como falar corretamente e se expressar bem: 5 truques

como falar corretamente e se expressar bem

Saber como falar corretamente e se expressar bem são habilidades importantes que todos nós devemos dominar e que trazem muitas vantagens para a vida pessoal e profissional.

Banner com o texto: Faça uma pós-graduação EAD que é sinônimo de qualidade. Confira as ofertas e matricule-se.

Quando você consegue falar com clareza e confiança, as suas chances de conquistar o respeito das outras pessoas e construir novos relacionamentos são maiores.

No entanto, nem todo mundo consegue desenvolver essas soft skills de forma natural. Por isso, listamos 5 truques para que você consiga se comunicar melhor e ter sucesso nas suas interações sociais e no trabalho. Confira a seguir.

Saiba como falar corretamente e se expressar bem

1 – Escute a si próprio

Sabemos que muita gente não gosta de ouvir a própria voz gravada, mas a verdade é que essa é uma forma muito efetiva de se tornar uma pessoa mais articulada. Acredite, esse é um sacrifício que vale muito a pena.

Para isso, você precisará fazer uma gravação de uma conversa real com outra pessoa. Pode ser durante uma apresentação, uma reunião de trabalho, uma entrevista de emprego ou uma simples conversa com um amigo.

Depois de fazer a gravação, você irá ouvi-la prestando atenção em alguns pontos. Você está mantendo o mesmo tom de voz durante toda a conversa, por exemplo?

Procure notar alguns hábitos que podem soar estranhos ou que te deixam desconfortável ao se ouvir falando. Identificá-los é o primeiro passo para se expressar melhor.

2 – Corte as palavras de preenchimento e vícios de linguagem

Um dos hábitos indesejáveis mais facilmente identificáveis quando ouvimos as nossas próprias conversas são as palavras ou sons de preenchimento.

Se alguma vez você já ouviu uma gravação sua, pode ter reparado que repetiu algumas vezes sons como “hum”, “éééé”, “hããã”. Estes são alguns exemplos de palavras de preenchimento, que são nada mais do que sons curtos que costumamos utilizar para preencher espaços vazios entre frases e pensamentos.

Já os vícios de linguagem são palavras como “tipo” e “né”.

Além de serem inúteis para a uma boa comunicação, esses sons transmitem a ideia de que você perdeu a linha de raciocínio e que está usando essas palavras para ganhar tempo. Isso acontece por conta do nervosismo, da falta de atenção e de controle sobre a fala.

Algumas alternativas para acabar esse hábito são:

  • Utilizar frases de transição. Exemplo: “agora vamos falar sobre…” ou “dando continuidade”;
  • Usar o silêncio como uma pausa;
  • Finalizar com um ponto final;
  • Pedir para um amigo ou familiar sinalizar quando você utilizar em excesso essas palavras.

Ao prestar atenção nos seus vícios de linguagem e utilizar essas técnicas para corrigir, você conseguirá se expressar muito melhor.

3 – Preste atenção à velocidade da fala

Você sabe dizer se costuma falar muito rápido ou muito devagar?

Se você não tem noção sobre a velocidade da sua fala, temos um truque que irá te ajudar:

  1. Copie um texto qualquer de 160 palavras e cole em um documento Word ou bloco de notas;
  2. Leia o texto em voz alta, na velocidade normal em que você costuma conversar. Faça uma gravação dessa leitura.

Quanto tempo você demorou para ler tudo?

Segundo a especialista em comunicação, Carol A. Fleming, o ideal é que seja 1 minuto. De acordo com ela, devemos mirar na média de 155 a 175 palavras por minuto durante uma conversa.

Também é importante levar o contexto em consideração. Por exemplo, se você está resumindo algo, o ideal é manter um ritmo de fala mais acelerado. Já em uma explicação mais técnica, procure diminuir a velocidade da fala.

 4 – Use palavras simples

Se você quer saber como se expressar e falar bem, precisa se lembrar de que a familiaridade traz conforto. Isso significa que, quanto mais coisas em comum você identifica nos outros, mais conectados vocês se sentirão.

Por isso, um erro comum a ser evitado é usar palavras difíceis durante uma conversa ou apresentação.

Utilizar termos técnicos só é uma boa ideia quando você está no seu trabalho ou em um local onde todos estão familiarizados com eles.

Aqui, a dica é que você transforme ideias complexas em palavras simples. Uma boa maneira de fazer isso é utilizar exemplos mais próximos da realidade daquelas pessoas para expressar o que você quer dizer.

Quando você faz isso, traz as pessoas para mais perto, torna a conversa mais agradável e cria uma conexão mais forte com os outros.

5 – Observe a sua linguagem corporal

Sabemos que as palavras faladas têm um grande peso, mas a nossa linguagem corporal também pode dizer muita coisa. A forma como você fala algo é tão importante quanto o que você fala.

Por isso, é necessário ficar atento ao que você está comunicando através dos seus gestos.

Uma boa dica é sempre manter contato visual durante uma conversa. Isso demonstra interesse no que ela tem a dizer, além de expressar receptividade e honestidade.

Outro exemplo de linguagem corporal é o quanto você mantém a sua expressão relaxada.

Se você está se sentindo nervoso durante uma conversa, seus músculos faciais tendem a ficarem tensos, o que transmite uma ideia de irritação ou estresse, e nem sempre é isso que você está sentindo. Portanto, procure observar se as suas expressões faciais são coerentes com o teor e o tom da conversa.

Existem muitas formas de se expressar positivamente através da linguagem corporal, e todas elas fazem muita diferença nos seus diálogos.

Agora que você já conhece as nossas dicas de como falar corretamente e se expressar bem, é hora de começar a desenvolver essas habilidades. Mesmo sabendo que esse processo não acontece da noite para o dia, apostar nesses truques pode acelerar o desenvolvimento da sua comunicação.

E se você quer continuar sempre evoluindo, temos outra boa dica para você: fazer uma pós EAD. Na Unopar, você estuda com suporte e estrutura completos e pode se formar em apenas 6 meses no modo intensivo. Conheça as opções de cursos de pós-graduação Unopar, faça a sua inscrição e dê o próximo passo para o seu sucesso profissional.

Autor: Equipe Blog Portal Pós

O blog do Portal Pós traz conteúdos sobre carreira, mercado de trabalho, tendências e inovação. Aqui você também encontra textos sobre crescimento pessoal, curiosidades e tudo que envolve o mundo da pós-graduação.

Conheça nossas faculdades