Ir para o conteúdo
Curiosidades

Conheça dez séries sobre saúde

Quando a realidade e a ficção estão juntas, temos cenários inimagináveis, mesmo nos roteiros mais elaborados, em filmes e séries produzidas para a TV, por exemplo. Dessa forma, em todas as séries sobre saúde, deparamo-nos com diversos tipos de casos, doenças e até pandemias e efeitos virais. Aliás, com a realidade da pandemia do COVID-19, quem trabalha na área está inserido entre as principais classes que merecem todo o respeito e admiração.

Afinal, estão na linha da frente do combate ao vírus, cuidando dos infectados, e, muitas vezes, colocando a própria vida em risco. São técnicos em enfermagem, médicos especialistas em virologia e infectologia, enfermeiros, entre outros profissionais.

Para desanuviar o momento de muita preocupação e esforço, o Portal Pós selecionou dez séries que envolvem a rotina de hospitais, enfermarias e todos os profissionais deste ramo. Confira!

Unidade Básica

Dirigida por Carol Fioratti e Caco Ciocler (que se divide entre dirigir e atuar como o protagonista, Paulo), a série está na segunda temporada, que dialoga com o momento atual: na ficção, os profissionais de saúde lutam para conter uma epidemia de tuberculose em uma ocupação irregular da cidade de São Paulo.

O cenário é o atendimento público de saúde brasileiro, que luta para lidar com as demandas e, por diversas vezes, instalações precárias de locais periféricos da cidade. Diante dos conflitos, Unidade Básica retrata também a burocracia, além de cuidar de temas essenciais como aborto, prevenção de doenças, violência doméstica, entre outros. Vale conferir no canal Universal, todos os domingos, às 23h.

The Good Doctor

O médico precoce Shaun Murphy (vivido por Freddie Highmore) que sofre de autismo, usa métodos não muito ortodoxos da medicina para auxiliar no tratamento de seus pacientes em um famoso hospital. A segunda temporada também retrata algo familiar ao momento: os personagens ficarão confinados no hospital para evitar que uma tragédia se alastre.

Exibida pelo canal Sony, a série também está disponível via streaming pela plataforma do Globo Play. A história em torno da trama envolve romances, descobertas e a atuação incrível de Highmore. Vale conferir!

Sob Pressão

Disponível também pela Globo Play a série nacional  teve uma indicação ao último Emmy pela atuação da atriz Marjorie Estiano. Sua personagem, Carolina, em parceria com o ator Julio Andrade (o personagem Evandro), atua sob direção de Jorge Furtado para que, de uma forma bem crítica, o dia a dia do atendimento em um hospital periférico de uma comunidade carioca seja contado.

Com três temporadas, Sob Pressão tem a intenção de mostrar a realidade, para conquistar e levar dignidade a quem busca pela saúde pública de qualidade no Brasil. O destaque também vai para a abordagem do tema, sempre feita da forma mais humana possível.

Diagnóstico

A série documental lançada recentemente pela Netflix traz a primeira temporada focada em pessoas que tiveram seus diagnósticos esclarecidos com o auxílio das redes sociais. De forma fictícia, é claro (não tente buscar alternativas para qualquer problema em redes sociais ou mesmo portais de busca), a série tem coprodução do jornal The New York Times e conta com a atuação de Lisa Senders – que foi consultora do roteiro de House (abaixo mencionada).

Especializada em casos raros e complexos, Lisa é médica, formada pela Universidade de Yale e, inclusive, publica colunas no jornal coprodutor.

House

No ar desde 2004, a série conta com o mau humor, sarcasmo e frieza do Dr. House, interpretado brilhantemente pelo ator inglês Hugh Laurie. Em oito temporadas, a trama levou muitos prêmios, principalmente por desvendar, por meio de consultoria e muita pesquisa dos roteiristas, casos médicos inéditos e muitas vezes dados como insolucionáveis.

Por causa de sua atuação, muitos amam ou odeiam a série. Afinal, o personagem principal age de forma, por diversas vezes, inescrupulosa, para solucionar os casos, com desrespeito às regras do hospital. A falta de interação e sociabilidade com os pacientes também influencia a antipatia que a personagem provoca.

The Resident

Erros médicos, preocupações com dinheiro no sistema de saúde norte-americano e diversas frustrações são retratados pelo jovem médico, Conrad Hawkins (vivido por Matt Czuchry). O dia a dia do hospital da série do canal Fox é mostrado de forma bem realista, com foco em casos totalmente plausíveis, mas em que acontecem alguns erros médicos.

Rumo à terceira temporada The Resident tem entre seus produtores executivos Rob Corn, de Grey’s Anatomy. Sem romantizar a precariedade da saúde e o alto valor de internações e tratamentos, a série mostra o lado ruim de lidar com as dificuldades médicas.

Grey’s Anatomy

É quase impossível falar em séries que abordam a área de saúde e não lembrar de Grey’s Anatomy. Sucesso desde 2005, a série iniciou sua saga em torno da médica Meredith Grey (interpretada por Ellen Pompeo). No entanto, os desdobramentos foram tantos ao longo de todas as temporadas, que, mesmo que continue acompanhando a rotina de sua personagem, passa por outros diversos aspectos da medicina, como tratamentos, pandemias, tragédias globais, entre outros assuntos.

Em sua 16ª temporada, o sucesso tem resposta em uma das maiores audiências em programas nos Estados Unidos e no mundo. As conquistas profissionais, os romances, lutas diárias e todos os conflitos seguem sendo marca no coração de quem a acompanha.

Chicago Med

Com foco maior em atendimentos de pronto-socorro, a série que faz parte da franquia de Chigaco Fire e Chigado P.D., retrata abordagens médicas, conflito entre os profissionais, casos psiquiátricos, psicológicos e cirurgias emergenciais. Transmitida pelo canal Universal no Brasil, a trama conta com uma narrativa bem emocional de um caótico hospital, com enredos de relacionamentos pessoais entre os personagens, colegas de trabalho.

Nurse Jackie

A vida e o vício em remédios da enfermeira, interpretada pela atriz Edie Falco, conta com muitos dramas pessoais, como a separação do marido e o afastamento das filhas. No entanto, não há como negar sua dedicação ao trabalho e aos pacientes, que, muitas vezes, são apresentados dentro de dilemas existenciais vividos pela própria personagem.

A série estreou em 2009 e teve sete temporadas. Pode ser vista em canais de streaming do Globo Play.

Lenox Hill

A série documental acompanha a rotina de quatro médicos, em atuação em um pronto-socorro agitado do Hospital Lenox Hill, na cidade de Nova York. São dois neurocirurgiões, um obstetra e outro especializado em pronto-socorro, que têm sua vida retratada por meio da tentativa de conciliar a vida pessoal com a profissional.

As histórias são contadas a partir do viés que os médicos adquirem sobre os pacientes que atendem no hospital. Elas são sensíveis e oferecem ao telespectador uma visão fascinante da medicina. Pode ser assistida pela Netflix.

Quais são suas séries preferidas sobre a área de saúde? Deixe nos comentários!

Conheça nossas faculdades