Ir para o conteúdo
Mercado de Trabalho

Para conseguir um emprego, veja 4 dicas que você deve seguir

A busca pela recolocação no mercado pode ser frustrante às vezes, principalmente se você está desempregado há bastante tempo. Mas com o cenário atual, o que fazer para conseguir um emprego? A verdade é que o profissional que quer se recolocar no mercado de trabalho precisa se preocupar com os detalhes e pensar estrategicamente. 

Então tudo, desde a criação do currículo até sua divulgação, interfere nas chances de conseguir a vaga que sonha. Se você está desempregado, mas ainda não teve sucesso, veio ao lugar certo. Separamos algumas dicas de como procurar emprego do jeito certo, indicada por especialistas. 

blog banner desconto em pós-graduação

Como conseguir um emprego?

1 – Transforme-se em uma marca

Sarah Danzl, especialista em habilidades da Degreed, uma plataforma de qualificação profissional, indica que é preciso ir além do currículo e transformar a sua pessoa em um profissional desejável, mostrando a sua marca para o mundo

“Se você é extrovertido e trabalha em uma área mais aberta, não pense duas vezes antes de postar emojis em seu perfil do LinkedIn. Isso pode ajudá-lo a ser notado”, recomenda em entrevista ao portal britânico Daily Mail. 

Criar uma marca pessoal te ajuda a chamar atenção do recrutador e, com as redes sociais, isso fica ainda mais fácil. Se suas redes são abertas, escolha imagens e palavras que atendam aos seus objetivos de carreira nas suas postagens.

O LinkedIn, mais especificamente, foi feito para o universo profissional. Por lá, são divulgadas diversas  oportunidades de emprego e informações. Ainda é um espaço utilizado por muitas empresas para publicar novas oportunidades e entrar em contato com os candidatos para convidá-los para processos seletivos.

Estar ativo nessa rede permite interagir com empresas e recrutadores, fazer networking com outros profissionais da área e ficar por dentro das oportunidades de emprego existentes no mercado. 

Estudos indicam que pessoas com uma foto de perfil no LinkedIn podem obter até 21 vezes mais visualizações de perfil, então lembre-se de sempre atualizar a plataforma. 

2 – Participe de grupos online

Além do Linkedin, diversas redes sociais, como Facebook, têm grupos que podem ser úteis para quem busca emprego. Segundo Romanie Thomas, fundadora e diretora da startup Juggle Jobs, as redes sociais permitem criar um networking – o que ajuda na procura por novas oportunidades no mercado de trabalho. 

“Feito da maneira certa, o networking serve tanto para ajudar os outros quanto para ajudar a si mesmo. O LinkedIn é um ótimo lugar para começar a se conectar com outras pessoas e vale a pena participar de grupos sobre tópicos de seu interesse, envolver as pessoas em conversas, procurar mentores ou simplesmente fazer perguntas a especialistas”, comenta.

Criar contatos pode ser muito importante, considerando que muitas empresas não divulgam abertamente as vagas e preferem pedir indicação para outros profissionais da área. 

3 – Não confie apenas em recrutadores 

Lynne Hardman, CEO da Working Transitions, explica o motivo disso: “Colocar um anúncio de emprego é, muitas vezes, o último passo que uma empresa dá. Normalmente, por muitas semanas antes da divulgação de uma vaga, as organizações terão várias discussões sobre as opções para identificar o candidato certo e talvez tenham realizado entrevistas internas ou pedido recomendações aos funcionários.”

Isso acontece porque muitas organizações estão interessadas em encontrar candidatos com certas habilidades ou experiência. Então, uma abordagem especulativa bem direcionada pode ser ótima para encontrar um perfil adequado, principalmente porque essas pessoas já chegam com indicações.

Nesse caso, a melhor abordagem é ficar atento e fazer uma pesquisa de mercado. Como mencionamos nas dicas anteriores, conecte-se nas redes sociais, busque os profissionais de RH responsáveis pelo recrutamento e converse com eles. Um currículo personalizado e uma carta de apresentação também são essenciais. 

4 – Atualize suas habilidades

Construir seu conhecimento é uma das maiores chaves para o sucesso. Afinal, as habilidades que aprendemos na escola ou no início de nossas carreiras muitas vezes não são mais relevantes apenas alguns anos depois. Tanto o mercado como as próprias ferramentas vão se atualizando – e é ideal que você faça o mesmo.

“A boa notícia é que nunca foi tão fácil se manter atualizado com as habilidades de que você precisa para ter sucesso, independente de onde esteja trabalhando e quais sejam seus objetivos de carreira”, comenta Sarah Danzl.

Um curso de especialização, por exemplo, pode ser um excelente meio de se qualificar profissionalmente e se atualizar nos estudos. Além de existir uma variedade de ofertas de cursos em todas as áreas do conhecimento, é uma maneira de sair da zona de conforto, adquirir um currículo mais robusto, conhecer outros profissionais da área, entre muitos outros benefícios. 

Isso significa que a pós-graduação EAD pode ser a chave para abrir algumas portas no mercado de trabalho. Afinal de contas, o cenário atual está cada vez mais exigente e competitivo, fazendo com que a graduação não seja o suficiente para garantir a vaga de emprego. 

Conheça nossas faculdades