Ir para o conteúdo
Tendências e Inovação

Criatividade fora da área de criação: entenda por que ela é importante

Criatividade

A criatividade está em praticamente tudo o que vemos, usamos, comemos, vestimos. Por trás de um produto ou experiência, existe sempre alguém que pensou fora da caixa e fez aquilo acontecer. Mas se engana quem pensa que ter ideias inovadoras é importante apenas para aqueles que a têm como ofício, como os criativos de publicidade e artistas, por exemplo. Por isso, é cada vez maior a busca do mercado por profissionais multidisciplinares. Se você quer começar a pensar diferente, confira estas dicas.

Como ser mais criativo

É inegável que muitas pessoas já nascem mais criativas que outras, mas isso não significa que essas não possam trabalhar com criatividade, afinal, ela pode ser moldada. Para desenvolvê-la, é importante ser, além de tudo, observador e ter a capacidade de sair da zona de conforto. Como muitas vezes nos acomodamos em uma rotina, ter um olhar diferente sobre as coisas, torna-se desafiador. Então, instiga-se, conheça coisas novas, leia bastante, acompanhe o que está acontecendo na sua e em outras área e solucione os seus problemas de uma nova maneira. Assim, seu cérebro trabalhará de forma diferente, abrindo-se a novas ideias.

Pense fora da caixa

Com certeza você já ouviu esta frase. Mas afinal, que caixa é essa? É a caixinha da monotonia, do ultrapassado e da mesmice. Então, ao tentar solucionar um problema ou desenvolver algo novo, vá além do que lhe é oferecido ou do que possa parecer óbvio.

Neste caso, é importante planejar, ousar, criar e arriscar. Conheça bem o meio em que está inserido e comece observar tudo o que já foi e poderia ser feito. Antes de tudo, estude bem o seu cliente, seus desejos, necessidades e busque alternativas para encontrar a melhor solução fugindo do padrão. E, se em um primeiro momento sua ideia for recusada, não desista.

Nada se cria, tudo se transforma

Se observarmos ao nosso redor, veremos que muitas das coisas existentes são evoluções de outras. A transformação só acontece quando alguém muito observador enxerga uma nova solução para algo corriqueiro e coloca suas ideias em prática. Por exemplo a Uber, fundada em 2009, que nasceu com a proposta de oferecer um serviço semelhante ao táxi, mas destinado ao público de luxo. Neste caso, aconteceu uma transformação de um serviço já existente, mas destinado a um nicho. Com a popularização e surgimento de concorrentes, o negócio se tornou um dos mais usados e transformou a locomoção. Exemplos como esse do aplicativo de mobilidade urbana existem de monte, nos mais variados setores. E só aconteceram porque alguém se propôs a observar e ousar.

Organize as ideias

As ideias não escolhem hora nem lugar para surgirem. Então, toda vez que você pensar em algo novo, anote. Pode ser em um pequeno papel, no celular, onde você achar melhor. É importante que elas sejam registradas para que não se dispersem durante o dia. Se você for fazer um brainstorm, também anote todas as ideias para que depois elas sejam relacionadas.

Se você quer ampliar seus conhecimentos para ter novas ideias, que tal fazer uma pós-graduação? Conheça as nossas opções e escolha o que mais combina com o seu perfil.

Conheça nossas faculdades