Ir para o conteúdo
Mercado de Trabalho

Por que você deveria apostar em uma pós de Gestão em Gerontologia

gerontologia

A área da Gerontologia oferece diversas oportunidades para quem deseja atuar no campo da saúde. E essa tendência só tende a crescer, já que a população brasileira está em ritmo de envelhecimento nos próximos anos. Por conta disso, os profissionais gerontólogos devem buscar ainda mais conhecimento para enfrentar esses desafios. Um curso de pós-graduação pode ajudar bastante nesse caminho. 

Trabalhar com o cuidado e atenção à saúde de pessoas idosas requer constante aprofundamento em temas como busca por qualidade de vida e bem-estar, prevenção de doenças, promoção da saúde, bem como no gerenciamento de relações interpessoais dessa parcela da população. As áreas de prevenção e atendimento básico também entram no radar, tanto em instituições públicas como privadas. 

Leia também: Gerontologia: Entenda por que é uma área em ascensão

Muita gente confunde a área de Gerontologia com a Geriatria, mas as duas focam em elementos bem distintos. Enquanto dentro da medicina a Geriatria olha para o combate às doenças que afetam os idosos, a Gerontologia vai mais além e engloba todo o processo de envelhecimento. Estuda desde as condições sociais do indivíduo, passando pelas questões psicológicas e fisiológicas, que estão envolvidas na manutenção da qualidade de vida. 

Quais as funções do profissional de Gerontologia?

Além de promover os cuidados básicos de saúde, o profissional que se especializa nessa área pode exercer um ponto de vista mais amplo sobre como resolver as questões que se impõem para quem está envelhecendo. 

Na parte de gestão, ele é capaz de identificar e ajudar a implementar modelos de políticas públicas para essa parcela da população, bem como criar processos dentro de instituições que garantam seu bem-estar. Outro campo de atuação é o de buscar certificações de qualidade, controlando modelos assistenciais de saúde ao idoso, por exemplo. 

Profissionais da área de Gerontologia estão comprometidos com o cuidado e ajudam a sociedade com seus conhecimentos sobre o envelhecimento e como ele afeta a população. Por isso, trata-se de uma carreira interdisciplinar e avançar nos estudos é fundamental para se diferenciar no mercado de trabalho, bem como para atingir um número ainda maior de pessoas, seja na forma de atendimentos individuais ou de maneira coletiva.

Entre as disciplinas, a carreira em gestão em Gerontologia aborda nutrição, psicologia e fisioterapia, além de temas mais delicados de serem abordados, como cuidados paliativos  e morte. Em uma sociedade em que falar sobre a parte final da vida ainda é tabu, se aprimorar neste conhecimento é indispensável para compreender bem a amplitude da carreira. Vale destacar ainda que há áreas de ensino e pesquisa com outras possibilidades a serem estudadas por quem escolher a profissão.

Profissionais formados em outros campos da saúde como enfermeiros, médicos, psicólogos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e administradores, entre outras áreas, bem como gerontólogos, estão aptos a investir nesta especialização, que aprofunda os cuidados a serem tomados com a população idosa e exige empatia na hora de atender seus pacientes. 

Quer saber mais sobre o tema? Além da pós de Gestão em Gerontologia, conheça os cursos de Pós-Graduação EAD da Unime e as opções de pós Unime de 6 e 10 meses e aprofunde seus conhecimentos na área que desejar. 

Conheça nossas faculdades