Ir para o conteúdo
Curiosidades

Como surgiu o Outubro Rosa?

outubro rosa

Você já reparou que no mês de outubro instituições públicas e privadas iluminam seus prédios e monumentos de rosa? E que, algumas empresas fazem até campanhas para que os funcionários vistam roupas da cor? Estas ações são em prol do chamado Outubro Rosa. Este movimento, visa aumentar a visibilidade sobre a conscientização da prevenção do câncer de mama que acomete milhares de mulheres por ano no Brasil. Entenda como surgiu e sua importância.

 

Primeiras ações

O Outubro Rosa, ou Pink October, surgiu em 1990 em Nova York quando a Susan G. Komen Breast Cancer Foundation promoveu uma Corrida pela Cura com a intenção de dar maior visibilidade à importância da prevenção deste câncer que atinge tantas mulheres ao redor do mundo. Na ocasião, foram distribuídos laços rosas que são o símbolo da campanha, por isso o nome.

Foi sete anos após a primeira Corrida pela Cura, em 1997, que as ações do Outubro Rosa, começaram efetivamente nos Estados Unidos. Naquele ano, duas cidades norte americanas, Yuba e Lodi, iniciaram a conscientização como conhecemos hoje. Iluminaram seus edifícios, promoveram corridas, desfiles de moda com sobreviventes do câncer, entre outras ações que aumentaram a visibilidade da campanha.

 

No Brasil

No Brasil, a primeira iniciativa em prol da campanha foi em 2002 na cidade de São Paulo. Naquele ano, uma grande empresa de cosméticos junto a uma associação de mulheres simpáticas à causa da prevenção ao câncer de mama. Na ocasião, iluminaram o obelisco do Ibirapuera com a cor rosa. Mas foi em Outubro de 2008 que a campanha tomou mais força por aqui. Diversas entidades relacionadas ao câncer de mama promoveram a iluminação de pontos importantes das principais cidades do país.

Além das iluminações, com o Outubro Rosa, também intensificou as pautas na mídia relacionadas a importância do autoexame e mamografia para as mulheres. E mais empresas endossaram ações de prevenção entre todos os funcionários.

Apesar de toda divulgação e esforços, ainda há muita desinformação entre as mulheres em relação ao tema. Por isso a importância de que o tema seja cada vez mais abordado em todos os setores da sociedade.

 

Prevenção e diagnóstico

Existem diversos fatores para o surgimento do câncer de mama. Alguns são relacionados ao estilo de vida da paciente, outros ao histórico genético e familiar. Os relacionados ao primeiro fator pode ser evitados com a mudança de hábitos e um estilo de vida mais saudável. Pode ser com a prática de exercícios, redução da ingestão de bebidas alcoólicas e cigarro. Já quem tem predisposição genética deve estar sempre atenta à qualquer irregularidade na região da mama e realizar os exames preventivos com periodicidade.

É importante ressaltar que os cuidados com a saúde merecem observação durante todo o ano. E, não apenas no mês de Outubro. Por isso, visite regularmente o seu ginecologista e mantenha seus exames em dia. 

Conheça nossas faculdades