Ir para o conteúdo
Carreira em Pauta

Liderança, você sabe como manter uma gestão humanizada?

peças de quebra-cabeça sendo unidas para ilustrar texto sobre gestão humanizada

A gestão humanizada tem sido um assunto bastante abordado nos últimos anos, especialmente pela capacidade de transformar as relações no ambiente de trabalho e de contribuir para o alcance de melhores resultados. Mas você, líder, sabe o que é uma gestão humanizada e o que fazer para colocá-la em prática na sua equipe? Acompanhe este artigo para entender.

blog banner desconto em pós-graduação

Afinal, o que é gestão humanizada?

A gestão humanizada é aquela focada em tornar a relação entre os colaboradores e líderes mais próxima, melhorando o relacionamento, respeitando as particularidades e atendendo às necessidades de cada um.

Além disso, quando um líder pratica esse tipo de gestão, ele precisa fazer com que os resultados da área e da companhia sejam alcançados sem que as pessoas precisem sacrificar sua saúde mental e bem-estar.

Em outras palavras, a gestão humanizada é aquela que considera a individualidade e as emoções de cada um e trabalha para que haja harmonia entre elas e o processo produtivo.

Qual é a importância da gestão humanizada?

Além de ser importante por respeitar o emocional dos colaboradores e fazer com que eles se sintam melhores no ambiente de trabalho, a gestão humanizada tem como consequência processos com maior qualidade e, logo, maior retorno financeiro.

Outro retorno positivo que pode acontecer é a retenção de talentos e a redução do absenteísmo. Um lugar em que as pessoas se sentem valorizadas e percebem que suas necessidades pessoais são compreendidas incentiva as pessoas a permanecerem e buscarem seu desenvolvimento.

Além disso, uma empresa que é capaz de proporcionar esse tipo de gestão também é muito bem-vista no mercado e acaba tornando o processo de atração de talentos mais fácil.

4 passos para manter uma gestão humanizada

Diversas companhias têm se dado conta de que apenas um bom salário pode não ser suficiente para manter as pessoas motivadas. Por isso, cada vez mais elas precisam de líderes que sejam capazes de fazer uma gestão humanizada. Confira a seguir o que você pode fazer para aplicar esse conceito em sua equipe.

1 – Respeitar a individualidade de cada colaborador 

Aquela ideia de pedir que o colaborador separe o lado pessoal do profissional já é coisa do passado.  Trabalho, família, estudos, saúde e relacionamentos são os principais pilares das nossas vidas e, portanto, são indissociáveis.

Se o colaborador tiver algum familiar com problemas de saúde, problemas com horários de estudo ou em outras áreas e for transparente quanto a situação, um bom líder poderá buscar recursos disponíveis na empresa para poder ajudar. Pode ser um suporte do RH, do jurídico ou de outros setores que ajudem a sanar a necessidade dele.

Um gestor humanizado não pode se mostrar indiferente diante de problemas dos membros da sua equipe.

2 – Manter a comunicação aberta

Manter uma comunicação efetiva entre todos os membros do time é uma das formas mais eficazes para ter sucesso na liderança humanizada. Para conseguir isso, é importante que a comunicação aconteça de forma horizontal, abandonando a forma tradicional de hierarquia.

Deixar que os níveis hierárquicos de uma equipe determinem a forma como você deve se comunicar pode criar um abismo muito grande entre gestores e profissionais de nível júnior e estagiários, por exemplo.

Uma comunicação aberta também pode motivar as pessoas a darem mais sugestões, contribuir mais e expressar mais suas ideias. Tudo isso colabora para o alcance de resultados que beneficiarão o time todo.

3 – Promover a integração entre a equipe

Se você quer fazer uma gestão humanizada, não pode deixar de incentivar o bom relacionamento entre as pessoas e lembrar da importância do trabalho em conjunto. Por isso, é importante que você fique atento ao seu relacionamento com outros colaboradores e gestores.

Leia também: Qual a importância do trabalho em equipe para a sua carreira?

Quando você promove a confiança e a coesão entre as pessoas do seu time, cria-se um ambiente de empatia, respeito e de colaboração. Logo, as pessoas passam a sentir que a liderança e a empresa se preocupam em promover um clima agradável na equipe.

4 – Oferecer bons feedbacks

Para finalizar, um elemento que não pode faltar na boa gestão humanizada: um bom feedback. Essas conversas são fundamentais para que o colaborador saiba que o gestor se importa com o seu desempenho, seja para pontuar quais habilidades e atitudes ele precisa melhorar ou para reconhecer o bom trabalho que ele tem feito.

Lembre-se sempre que um bom feedback é realizado em um lugar reservado, com escuta empática, transparência e bons argumentos. 

Gostou de saber mais sobre a gestão humanizada, sua importância e as principais ações que você precisa tomar para colocá-la em prática? Agora é só pensar em como integrá-la a sua rotina de gestão. E se você está sempre buscando formas de se tornar um profissional melhor, que tal apostar em uma Pós Anhanguera? Confira também opções de MBA

Conheça nossas faculdades